Clique e escolha a cidade de seu interesse

Imprensa e Comunicação

A Cartilha do marketing nos tempos do Twitter

01/09/2011

Quais são as regras para gerenciamento de marcas? Como obter o melhor relacionamento? Branded content, promoções ou perfis patrocinados? O que está por vir? Confira o bê-á-bá para dar certo na rede social que hoje pauta os meios de massa.

Quando o exército de vendedores geeks da Best Buy entrou em ação no Twitter, com o perfil @TwelpForce, o mundo do marketing mudou - e nunca mais foi o mesmo. Antes restritas às lojas físicas e espalhados pelos EUA, centenas de vendedores ultraespecializados da rede que vende eletroeletrônicos se encontravam na web. E, em 140 caracteres, passaram a tirar todo tipo de dúvida dos consultores.

Em 2010, a TwelpForce ganhou o Grand Prix de Titanium no Festival de Cannes, coroando urna ação que já virou um clássico. Hoje, dois anos após o "boom" do Twitter, muita gente ainda se pergunta: o que fazer para emplacar na mídia social que soma 200 milhões de usuários pelo mundo, entrega 350 bilhões de tweets diários e acaba de ser traduzida para o português brasileiro?

Para Eduardo Vieira, sócio-fundador da Agência Ideal, responsável no Brasil pela estratégia digital de gigantes como Google, Nike, Pepsico e Mc Donald’s, os grandes cases de Twitter no País são de celebridades, não de marca. "As exceções são Tecnisa, LocalWeb e Nike. Essas empresas fazem bom uso da rede social, porque seus twitters têm alma", diz.

No País, o Twitter está em um momento de maturidade e continua: "Foi a grande onda antes do Facebook e já se tomou uma ferramenta mainstream. Tem muita abrangência, hoje, você consegue atingir boa parte da audiência da internet brasileira - sobretudo o público que tem de 18 a 40 anos, do Sudeste." Estudo da comScore divuIgado em maio mostrou que 99% dos internautas brasileiros acessam as redes sociais, atrás apenas dos EUA, onde o alcance dessas mídias é de 99.7%. Considerando usuários que acessam a Internet em casa ou no trabalho, com mais de seis anos, em desktop ou laptop, o Twitter é a terceira rede mais popular do Brasil, com cerca de dez milhões de usuários - o Orkut segue líder, com quase 34 milhões e o Facebook vem em sua cola com 19 milhões.

O alcance do Twitter por aqui cresceu de 17,5% em março de 2010 para 21,8%, 12 meses depois. Entre os usuários com mais de 16 anos, o Brasil é o terceiro pais do mundo onde o Twitter tem maior penetração: 23,7% do total de Internautas acessam o microblog. Ficamos atrás apenas da Holanda (26,8%) e do Japão (26,6%).

Apegar da maturidade e da abrangência, as dúvidas permanecem. Quais são as regras para gerenciamento de marcas no Twitter? Como obter o melhor relacionamento via microblog? Quais são os melhores caminhos traçados até agora: branded content, promoções, perfis patrocinados? O que ainda está por vir e vai vingar?

Para montar uma espécie do "cartilha do marketing no Twitter", ouvimos e condensamos as dicas de dez experts de agências de publicidade e relações públicas do marketing digital.

UM MEIO, NÃO UM FIM

Muito falado nos últimos dois anos, o branded content pede conteúdo relevante para o público alvo, diz Eduardo Vieira. "Você precisa entender qual a reputação e quais são os atributos naturais de determinada marca. A Fiat, por exemplo, quer mostrar que é inovadora, a Nike que é ousada e o Santander que pode falar de sustentabilidade", enumera o jornalista. "O ganho como marca é indireto - não falo de mim, mas de um atributo meu."

Para usar celebridades - espécie de obsessão nacional, inclusive no Twitter -, o caminho é elencar os atributos que a empresa tem, os da personalidade e fazer um "match".

"Um exemplo: Nike com Neymar seria um ótimo perfil, porque o jogador tem atributos semelhantes aos da marca Nike", explica ele, que cita como bons cases da Agência Ideal a Pepsi, que casou Twitter e Facebook para fazer o cloud sourcing do novo sabor de Ruffles, e Nike Futebol, perfil que reúne diversos atributos da marca.

Facebook, Orkut ou Twitter? Na visão de Vieira, as empresas estão percebendo que cada rede serve para uma coisa. O Orkut ainda cresce e serviu para popularizar a Internei no Brasil, mas ficou fora do radar das pessoas influenciadoras, afirma. “Já o Facebook é útil para aplicativos, conteúdo, demanda mais tempo do internauta.”

O Twitter corre por outra via: é mais imediato, e exige que você que você chame a atenção de um jeito instantâneo. “O Twitter é excelente como gatilho, para disseminar conteúdo que está em outro lugar. É um catalisador – uma ferramenta que não é um fim, e sim um meio.”

ABAIXO A MIOPIA

Primeira empresa a vender um apartamento pelo Twitter, em 2009, a TECNISA virou exemplo de como usar a rede social no Brasil e ganhou destaque até no blog norte americano Dailybits.com.

Esta primeira venda aconteceu depois de ter sido divulgada uma promoção exclusiva no Twitter, lembra Denilson Novelli, gerente de e-business da empresa. De lá para cá, muitas outras vendas foram geradas na rede social, não apenas via promoções. “Você precisa dar a devida atenção a cada interação que acontece ali dentro”, ele recomenda. “A empresa não pode ter a miopia de usar essa plataforma de relacionamento como uma web 1.0. Não dá para tratar o Twitter como um mero canal de divulgação.”

O relacionamento é a parte que mais dá trabalho no Twitter – e é justamente a mais ignorada atualmente pelas empresas, ele critica. “É preciso ir além do conteúdo, porque a plataforma pode ser um canal de atendimento, engajamento, promoções e ser usada para vendas. O melhor caminho é um mix de tudo isso”, diz.

< Voltar para Notícias

Outras notícias

bairros guia-de-compra facebook linkedin twitter youtube Instagram Google Plus pinterest foursquare Tecnisa Ideias Snapchat Blog fastdating Atendimento por email Agende uma visita Globo Bitcoin Aplicativos Tecnisa Slideshare Lupa Dormitorios Metragem Pronto Para Morar Imoveis Proximos Em Obras Lancamento Lancamento Lancamento balao24horas Ligue Agora Video Atendimento Ligamos para você Tour virtual Planta 3D Ampliar Diminuir Planta Planta Atendimento online Atendimento Online 2 Whatsapp whatsapp 2 Martelo Escavação Fundação Estrutura Alvenaria Acabamento Externo Acabamento Interno Valores Produto Blog Produto Guia de Compra de Imóvel Localização localizacao2 Galerias Sobre imovel Pin localização Compartilhar Impressora imprimir Download PDF Vendido Comercial Download Seta direita Seta direita 2 Terreno Microfone Endereços Mãos Pessoas Maleta Chave Chave 2 Farmacias academias bancos ensino hospital padarias shopping supermercados RSS conforto conveniencia lazer seguranca sustentabilidade numeros projetos metro pin-mapa Android Apple Imprimir Tudo Comprador Link Externo tecnologia acessibilidade exclusividade corretor Sem resultados Pesquisas populares Ano Novo Presente Aviso Chaves Formulario Relogio home plano diretor enlarge shrink enlarge2 shrink2 tenis yoga violao litoral binoquio lupa + dinheiro cabeça + dinheiro sauna bike churrasqueira petcare bola saude playground gourmet salaofestas cinema pizza Seta topo compre-agora Relogio Fast Dating Engenharia Fast Dating Recusros Humanos Fast Dating Recusros Humanos Fast Dating Marketing Fast Dating Marketing Fast Dating Pesquisa Desenvolvimento Fast Dating Pesquisa Desenvolvimento Fast Dating Vendas Fast Dating Tecnologia Fast Dating Novos Negocios Fast Dating IDM Fast Dating WEB Fast Dating PDV Fast Dating Taças festa Fogos Bem estar Pay per use checkmark Portaria Sistema Viário Redes de Água, Esgoto e Energia Fechamento Paisagismo loteamento historico projeto qualidade incorporadora construtora arrow-up-right2 arrow-down-left2 seguridade documentos perfil documento tempo-trabalho tipo-casa tipo-documento tipo-sua-casa tipo-predio tipo-preco financiamento garantia vistoria certo procurador Scroll Down arrow-small-left arrow-small-right bike-sharing local area-decorada business carro selo itbi selo-fgts-red selo-fgts selo itbi FGTS Decore Group-94