Tecnologia a favor da segurança residencial

A tecnologia a favor da sua segurança.

6 de janeiro de 2015

grande_e3a2f817dc7fcd5a159e5d8e272b3bce7797f7f4

O fim de ano está aí e a maioria das pessoas já está contando os dias para sair de férias. Mas viajar nem sempre é algo tranquilo, afinal, deixar a casa sem ninguém é algo que preocupa os moradores. Ainda bem que a tecnologia está aí para nos ajudar e manter o lar sob vigilância, mesmo que a distância.

Veja abaixo as tecnologias e equipamentos para deixar sua casa mais segura:

1.       Centrais de Alarme: um clássico que nunca sai da moda. Geralmente esse sistema possui 2 “travas de segurança”, a senha e os sensores de movimentação, onde caso um dos dois tente ser burlado, o alarme soa. Este equipamento também pode estar ligado a um sistema de vigilância, que diante do alerta irá ao local verificar qualquer tipo de problema. Os valores variam de R$ 100 a R$ 500, com um possível acréscimo de mensalidade.

2.       Câmeras IP: simples e barata, as câmeras de monitoramento são fáceis de serem compradas e instaladas, e ainda contam com a visualização remota, onde o proprietário pode monitorar a casa através da tela do smartphone. Os preços variam de R$ 0, onde é possível fazer um sistema de vigilância com a webcam do PC, até R$ 1.000 com sistemas mais complexos e câmeras de alta performance.

Assista abaixo a uma câmera de monitoramento sendo testada:

 

  1.     Soluções Integradas: São mais complexas, pois integram muitos sistemas em apenas uma solução, oferecendo aos proprietários um produto que vai além da segurança, chegando até o controle energético da casa, onde é possível monitorar temperatura e luzes, remotamente. Um dos mais conhecidos nesse segmento é o MyHome.

    4.       Travas inovadoras: Sistemas de fechadura controlados através do smartphone que permitem uma série de funções de segurança, como: abertura e fechamento remoto, alerta de pessoas que batem à porta e memorização de pessoas que têm acesso livre. Veja os vídeos de cada uma delas e entenda melhor como funcionam.
    -Lockitron:

-Goji

 

  1.       Controles de acesso biométrico: antes aplicados somente na segurança de estabelecimentos comerciais, hoje esse tipo de sistema é cada vez mais fácil de encontrar em portarias residenciais. Os mais comuns são os equipamentos de reconhecimento de digital, mas também existem alguns com reconhecimento de íris e voz, cuja maioria é auxiliada por um sistema integrado de câmeras que mostra o rosto de quem tenta entrar sem autorização.

 

Agora é hora de arrumar as malas e sair pra curtir a viagem sem preocupação.

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS