Financiar um apartamento: tudo o que você precisa saber

Você sabe quais são as etapas para financiar um imóvel? Tire suas dúvidas e saiba quais passos dar para conquistar o seu primeiro imóvel

Como você já deve saber, estou prestes a comprar o meu primeiro apartamento. Depois escolher a opção mais viável para as minhas necessidades de espaço e localização, me deparei com uma nova etapa que costuma gerar muitas dúvidas: o financiamento. Se você está na mesma fase ou pretende comprar um imóvel em breve, pode se beneficiar dessas informações que eu pesquisei:

A compra de um imóvel é um dos maiores investimento feitos ao longo da vida, por isso é tão importante planejar com cautela, definir o que atende às suas necessidades e se organizar à longo prazo para que não haja dor de cabeça em nenhuma das etapas do processo de compra ou financiamento.  

Existem diversos tipos de financiamento, opções de banco, condições de pagamento e até facilitadores que podem tornar o processo mais seguro e menos burocrático. Aqui está um resumo do que você precisa saber para financiar o seu primeiro imóvel:

Opções de financiamento

A compra de um imóvel pode ser financiada pelo banco ou pela construtora. No caso da construtora, é preciso fazer uma garantia obrigatória como medida preventiva para redução da inadimplência e a amortização do saldo devedor é dividida em parcelas iguais, conforme previsto em contrato. Em caso de alterações, é provável que haja correção monetária.

O financiamento bancário pode ser realizado por várias instituições financeiras e o crédito é concedido após análise conjunta entre os departamentos de crédito e jurídico. Além das taxas de juros referentes ao valor do imóvel sob influência do prazo para quitação, o banco poderá cobrar Taxa de Abertura de Crédito (TAC), taxa de análise jurídica, taxa de inscrição e expediente, entre outras. Por isso, é importante avaliar as opções oferecidas por cada banco antes de fechar negócio.

Atenção: em alguns casos, é possível transferir a compra direta com a construtora por financiamento bancário. No entanto, é necessário que a incorporadora autorize a mudança na condição de pagamento.

Compare as condições de cada banco

O financiamento do imóvel pode ser realizado pelo banco indicado pela construtora, pois o processo se torna mais fácil rápido e com menor encargos, já que normalmente não há necessidade de pagar pela avaliação do imóvel e ainda é possível conseguir isenção de determinadas taxas. No entanto, ele pode não oferecer as melhores condições para o seu perfil. Na hora de realizar a simulação de crédito, verifique o limite de financiamento (relacionado ao valor do imóvel), prazo de pagamento e sistema de prestações oferecido pelos bancos.

Checklist do financiamento imobiliário

Etapas do financiamento

Talvez você não saiba, mas o processo para realizar um financiamento imobiliário é demorado. Isso porque é necessário realizar várias etapas até a conclusão. Cada banco tem a sua metodologia, mas a ordem é basicamente a mesma: você faz uma simulação e preenche uma proposta de financiamento (online ou na agência) para que seja feita a análise de crédito. É nesta etapa que o banco irá verificar se você tem condições de arcar com os custos do financiamento à longo prazo. Para isso, há uma lista de documentos exigidos como comprovação de renda.

Outra etapa importante é a avaliação do imóvel, onde um especialista enviado pelo banco fará uma vistoria técnica para verificar diversos requisitos como se ele não excede o valor limite do financiamento, entre outros pontos. Ao final dessa etapa, você receberá uma lista de documentos para dar andamento no processo. Esses documentos serão usados pelo  banco para fazer a análise jurídica do vendedor e do imóvel e requisição do FGTS à CEF, caso você tenha optado por usar os recursos do FGTS na compra do seu imóvel.

Se não houver nenhuma restrição até aqui, o seu banco emitirá um contrato de compra e venda com financiamento, que tem valor de escritura pública. Depois que você e o vendedor assinarem o contrato, é necessário pagar o Imposto de Transmissão de Bens e Imóveis (ITBU) e registrar a efetivação da compra no Cartório de Registro de Imóveis.

Com todas as etapas concluídas, basta enviar uma via do contrato registrado para que o seu banco libere o financiamento à construtora.

Imóvel na planta

Para imóveis na planta, o processo é realizado em duas etapas: pré-entrega das chaves e pós-entrega das chaves. É durante o período de conclusão das obras que o comprador vai pagar os valores de entrada do imóvel e as primeiras parcelas. O financiamento pode ser firmado no no ato da compra e assinatura do contrato, mas essa etapa geralmente acontece apenas após a entrega das chaves.

Documentos necessários

Para realizar a análise de crédito para o financiamento, você precisa estar com todos os documentos necessários em mãos. Além de documentos pessoais, é necessário comprovação de renda por meio de extratos bancários, holerites e declaração do Imposto de Renda. Embora você esteja em busca do primeiro imóvel, para morar sozinho, é importante saber que se houver cônjuge ou parceiro (a) de união estável, é possível somar os documentos para compor uma renda familiar. Além disso, você deve levar todos os documentos do imóvel fornecidos pela construtora.

Para mais dicas sobre a compra do seu primeiro imóvel, acesse o Guia de Compras da Tecnisa.

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS