Mercado aquecido: Caixa duplica crédito para imóveis no 1o semestre

A Caixa Econômica Federal financiou 351.541 operações de crédito para aquisição da casa própria, de janeiro a junho deste ano, o que representou expansão de 74,06% em relação às  201.956 unidades financiadas no primeiro semestre do ano passado. Segundo a Caixa, foram investidos R$ 17,480 bilhões em crédito habitacional no período, o que significa um… Ver artigo

24 de julho de 2009

A Caixa Econômica Federal financiou 351.541 operações de crédito para aquisição da casa própria, de janeiro a junho deste ano, o que representou expansão de 74,06% em relação às  201.956 unidades financiadas no primeiro semestre do ano passado. Segundo a Caixa, foram investidos R$ 17,480 bilhões em crédito habitacional no período, o que significa um crescimento de 90,39%, comparado aos R$ 9,222 bilhões aplicados em igual período de 2008. As informações são da Agência Brasil.

O aumento do volume de recursos destinado ao crédito habitacional deve-se, em grande parte, ao crescimento do saldo da caderneta de poupança. No primeiro semestre do ano passado, a caderneta tinha R$ 3,456 bilhões em depósitos, recursos que saltaram para R$ 9,222 bilhões nos primeiros seis meses deste ano. O aumento foi de 167%.

Também foram repassados mais recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). No primeiro semestre deste ano, a liberação de recursos do FGTS foi 46,38% maior (R$ 7,940 bilhões) que a do mesmo período de 2008 (R$ 3,456 bilhões).

Os recursos do FGTS financiaram 130.476 unidades habitacionais no primeiro semestre do ano passado e, neste ano, foram 132.126 casas. Já as operações realizadas, nos seis primeiros meses do ano, com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), totalizaram 212.692 moradias financiadas, contra 63.627 no primeiro semestre do ano passado.