Arrase usando o estilo industrial em sua cozinha

O estilo industrial surgiu no mundo do design e da arquitetura, mas também tem inspirado muitos outros projetos de decoração de cozinha.

27 de Maio de 2020

Por acaso você já viu ambientes de aparência mais rústica, repletos de objetos que pareciam ter saído de uma indústria ou fábrica do passado? 

Pois saiba que este modelo de decoração é conhecido como ‘industrial’. Inclusive, ele tem feito à cabeça de muita gente que aprecia a modernidade, podendo ser facilmente empregado a vários cômodos de uma casa – como cozinha compacta, por exemplo.

Por falar nisso, precisamos dizer que deixar a cozinha da sua casa com um visual mais industrial pode ter um efeito incrível!

Transforme todo o seu imóvel com base neste estilo que tanto tem feito sucesso no mundo do design e da arquitetura de interiores.

Daniel Winter e Revista Viva Decora

Onde e como surgiu o estilo industrial?

O estilo industrial é bastante empregado atualmente na decoração residencial brasileira. Contudo, ele surgiu muito longe daqui. Foi nos Estados Unidos, mais precisamente em Nova York, entre as décadas de 60 e 70. 

Neste tempo, a cidade concentrava um número enorme de espaços comerciais abandonados – em especial antigas fábricas e indústrias. Isto ainda era uma consequência de uma recessão econômica de anos anteriores.

O que aconteceu depois foi que políticos e urbanistas locais tiveram a ideia de transformar estes imóveis em algo com utilidade. 

Fizeram, então, a proposta de transformar estas áreas em lofts e estúdios voltados a artistas jovens que começavam a vida e que queriam morar e trabalhar em ambientes descolados – tudo num só lugar. Eis que surgiram estes apartamentos amplos, de planta livre, com grandes portas e janelas.

Pró-Reforma

Não demorou a que este modelo de arquitetura inspirasse muitos outros projetos. E eles servem de guia até os dias de hoje. 

Muita gente tem preferido, mesmo agora, morar em imóveis com espaços integrados, de pé-direito mais alto e muita iluminação natural. Mas é claro que há outras características do estilo industrial que poderiam guiar você no layout e na decoração da sua casa. Continue lendo para saber mais.

Officina 44 e CASA COR 2016

Estilo industrial para decoração de cozinha

O estilo industrial é bastante simples e econômico. Só aí já temos duas boas razões para adotar este modelo de arquitetura. Mas, enfim, o que teria de bom em uma cozinha industrial? 

Bem, este tipo de cozinha costuma ser bastante charmosa, prática, ampla e funcional, além de bem integrada com o restante do imóvel, estimulando a convivência familiar.

Se você deseja mesmo algo assim em sua casa deve antes saber que a arquitetura em estilo industrial costuma ser despojada. E que a sua ambientação, desde a cozinha até o quarto, deverá ser composta, provavelmente, apenas pelo essencial e nada mais. 

A regra é “simplicidade e nada de exagero”. São modelos de planta que combinam com este conceito de residência aqueles com sala e cozinha integradas.

Revista Viva Decora

Como criar uma cozinha em estilo industrial?

#1 Móveis

Os móveis utilizados em decoração de cozinha industrial costumam apresentar linhas “fortes” e limpas, ou seja, sem muitos recortes marcantes ou sinuosidades. Seu design é bastante simples, com características brutas. 

A madeira é um forte candidato de material para as estruturas dos armários. O próprio OSB – aquele tipo de aglomerado feito de lascas e resina – também pode ser utilizado neste caso, assim como o metal.

Você precisa saber também que muitos destes móveis devem formar ilhas ou penínsulas que vão ajudar a criar uma divisão entre sala e cozinha. Geralmente o acabamento de balcões e armários aéreos é liso. 

A cobertura de bancada quase sempre é feita de porcelanato brilhante. Mas, em alguns casos, é utilizada uma madeira natural envernizada – o que ajuda a quebrar um pouco a “frieza” do ambiente tipo industrial.

Fernando Piva e Revista Viva Decora
Pedro Augusto

#2 Revestimentos

Grande parte do charme das decorações de cozinha industrial são os revestimentos de acabamento rústico. O cimento queimado fosco é o grande campeão entre os projetos de design e arquitetura nesta linha. Também podemos citar a utilização do tijolo à vista ou de demolição, a madeira em tom natural, e os ladrilhos com estampas geometrias variadas. Por fim, as “pastilhas de metrô” e as pinturas sobre massa acrílica com tinta de cor neutra.

#3 Ornamentos

Nas arquiteturas em estilo industrial, é comum que partes de estruturas, canos e fios fiquem expostos. Só isto já poderia ser considerado um tipo de “ornamento” para a cozinha industrial, deixando o ambiente com aspecto descontraído. 

Mas, mesmo assim, o cenário merece receber outros elementos – talvez de design inusitado e cores vibrantes – para ficar ainda mais interessante.

Em sua casa, você pode utilizar letreiros de neon em vários formatos para “animar” a cozinha. Vasos ou caixotes de feira com plantas também é um ótimo recurso para acrescentar mais cor e vida ao ambiente. 

Pode-se também investir em utensílios de cozinha, suportes para talheres e luminárias de vários modelos com acabamento rústico e design lembrando os objetos e maquinários utilizados nas fábricas.

Revista Viva Decora

Quer outras ideias para deixar a decoração da sua cozinha super diferente, remetendo a este modelo de decoração? 

Que tal criar pendentes para serem instalados sobre a bancada ou ilha com fios – de diversas cores -, cabeçotes e lâmpadas – preferencialmente amareladas? 

Os trilhos e os spots também são grandes soluções de iluminação para o ambiente. Gostou? 

Então, inspire-se com o estilo industrial e remodele sua cozinha.

Érica Salguero

Essas dicas para decoração de cozinha industrial foram criadas pela equipe Viva Decora.