Como aumentar o espaço de sua cozinha compacta com os móveis certos

Em uma cozinha compacta pode caber tudo que você precisa, para isso, basta saber escolher os móveis certos. Veja nossas dicas!

10 de março de 2020

Por causa do aumento populacional considerável nas áreas urbanas, as construtoras optaram por otimizar os terrenos com apartamentos de metragens menores. E essa novidade não demorou a se tornar uma forte tendência. 

Hoje, pouco espaço não é mais sinônimo de uma arquitetura de qualidade ruim. Pelo contrário, imóveis com cozinha compacta integrada a uma sala-quarto, por exemplo, podem surpreender.

BY Arq&Design

O que seria uma cozinha compacta?

Sabe-se que as cozinhas ganharam muita importância nos projetos de arquitetura residencial ao longo dos anos. Elas são o coração das casas brasileiras. Consideradas como o cômodo principal destes imóveis, o local perfeito para o preparo de alimentos e reunião de pessoas. 

Mas para que este espaço seja mesmo agradável, prático e funcional, precisará dos móveis certos.

Acontece que o conceito da cozinha compacta não tem a ver necessariamente com um modelo de decoração, mas com um modelo de  ambiente de tamanho reduzido. Ou seja, cozinhas compactas são pequenas, geralmente estreitas e organizadas em fitas ou com um balcão frente a outro. 

Neste caso, não se pode ter uma variedade muito grande de equipamentos e móveis instalados no local, mas o básico é apresentado com criatividade.

Studio Canto Arquitetura e INÁ Arquitetura

Existe uma diferença entre uma cozinha ampla e uma cozinha compacta. Contudo, ambas as cozinhas podem ser completas. Com o devido planejamento, é possível otimizar ao extremo seu espaço. Isto faria tal cômodo pequeno parecer muito maior. 

Mas, em último caso, ainda seria possível integrar esta área à sala de estar e jantar. Então, a cozinha compacta de uma casa se tornaria uma cozinha americana encantadora.

Revista Viva Decora

Como escolher móveis para uma cozinha compacta?

Sempre que alguém começa a planejar uma decoração logo surgem muitas dúvidas. E é óbvio que isto acontece também ao se planejar uma cozinha compacta. 

Mas um ambiente menor como este pode ser considerado como um bom desafio para a criatividade dos designers. Embora ele possua particularidades que devem ser levadas em conta no momento do projeto, no fim, acaba se tornando um ambiente acolhedor e agradável.

MAV ARQUITETURA

Para que esta cozinha fique completa, funcionando bem, serão precisos eletrodomésticos e utensílios, mas também muitos e variados móveis. E é possível que todas estas coisas caibam em uma área compacta. 

Basta o designer estudar bastante as opções até encontrar o melhor layout para a planta do cômodo. Mas, neste caso, para um resultado final satisfatório, nenhum detalhe de arquitetura ou decoração poderá ser ignorado.

Então, é preciso ter em mente que móveis para cozinha ampla e cozinha compacta nem sempre podem ser do mesmo modelo. Esta é, aliás, uma diferença muito importante entre estes dois modelos de ambientes. 

O caso é que, em cozinha compacta, só se pode ter aquilo que é prioritário e cada elemento deve apresentar o máximo de funções para que todo centímetro deste espaço seja mais bem otimizado.

Algumas opções de armários

Em cozinhas maiores, mais espaçosas, podem-se construir vários arranjos diferentes de armários – por exemplo, em formato de ‘U’ ou de ‘L’. E, neste caso, é fácil utilizar as peças prontas moduladas vendidas nas lojas. 

Agora, o mesmo não é possível em cozinha compacta. Para ambientes pequenos, talvez o melhor fosse adotar uma solução sob medida, pensada exclusivamente para todas as necessidades da família.

Stuchi e Leite e Joana Adamy Fernandes

Uma cozinha compacta, mais enxuta, pode ser bastante charmosa e agradável, com todo o necessário para o bom cozinheiro desempenhar as suas tarefas. 

Gavetões, ao invés de armários com portas, facilitariam a organização da maioria dos utensílios. Estantes vazadas poderiam ajudar a expor melhor os objetos especiais e dividir esta área do imóvel de outras ao qual ela foi integrada, ainda permitindo a passagem da luz.

No mais, outros modelos de armários de design único podem ser pensados visando aproveitar todos os espaços da cozinha compacta para armazenamento. É fundamental explorar a verticalidade do ambiente. 

Peças de cores brancas deixam o visual da cozinha menos carregado e virtualmente mais amplo e claro. E puxadores menores ou até ocultos deixariam a estética do local mais suave, clean e moderna.

Fernanda Barros de Assunção

Estilos de cozinhas compactas

Para que a cozinha compacta não fique parecendo apertada, o designer pode sugerir a utilização de armários claros ou mesmo em branco. 

Esta é uma solução bastante prática, pois até mesmo facilita a limpeza do local. Mas para que o todo decorado não fique monótono demais, uma ideia é pontuá-lo com peças mais escuras ou até em cores vivas – verdes e laranjas caem muito bem em cômodos assim.

Falando mais sobre a questão estética, as cozinhas compactas podem ser de vários estilos. É possível criar um cenário mais interessante com alguns toques clássicos. 

Também se pode pensar em fazer uma cozinha compacta com armários em estilo “casa de fazenda” ou “casa litorânea”, mais rústica. Mas são as propostas minimalistas, com materiais arrojados e cheios de brilho que estão fazendo mais sucesso no momento.

Degradê Decoração e GoUp Arquitetura

Essas dicas de como escolher os móveis certos para uma cozinha compacta foram criadas pela equipe Viva Decora.