Biblioteca doméstica de culinária e gastronomia

Casa nova, livros novos!  Neste post começo falando dos livros de cozinha que não podem faltar na sua estante. Saber o que fazer com as panelas é meio caminho andado para o sucesso – pelo menos quando o assunto é ter um lar-doce-lar e não apenas um espaço para dormir. Hotéis já suprem muito bem… Ver artigo

14 de outubro de 2009

jamie

Casa nova, livros novos!  Neste post começo falando dos livros de cozinha que não podem faltar na sua estante. Saber o que fazer com as panelas é meio caminho andado para o sucesso – pelo menos quando o assunto é ter um lar-doce-lar e não apenas um espaço para dormir. Hotéis já suprem muito bem esse quesito… Começo, portanto, com os básicos. Livros como o clássico “Dona Benta”, com mais de 1 milhão de exemplares vendidos desde o lançamento, em 1940. Nelel você vai encontrar aquelas receitas que sua mãe ou sua avó faziam. Como preparar um feijãozinho honesto, um bom bife, um peixe gostoso. A bíblia da cozinha foi reeditada a alguns anos. Na edição revisitada, sairam métodos culinários em desuso (do tipo matar uma galinha no quintal) e entraram receitas que levam ingredientes que nem eram encontrados por aqui à época da primeira edição.

Livros do chef pop star Jamie Oliver também não podem faltar. Sugiro aqui um título lançado recentemente: “Cook with Jamie”, um guia para fazer de qualquer amador um bom cozinheiro. O volume é recheado com 150 receitas – que vão do trivial aos pratos mais aplaudidos no restaurante londrino Fifteen, pilotado por Jamie. Nigella Lawson, outra inglesa, também é pedida das boas em qualquer cozinha que se preze. Ela já escreveu muitos livros bons, mas um dos meus favoritos é o que ganhou edição em português no final do ano passado: “Nigella Express”. Nesse livro, receitas simples e de rápida execução fazem parte do recheio.

Como não sou boba nem nada, sugiro também o “Almanque das festas instantâneas”, de minha autoria e cheio de dicas de temas e de comidinhas ótimas para servir em dias de festa em casa. Tem também um livro para quem gosta de bancar o chef de cozinha master em seus próprios domínios: “Le Cordon Bleu – Todas as técnicas culinárias”, altamente recomendado para quem quer aprender segredos sempre bem-vindos na cozinha. Técnicas para preparar caldos, cortar carnes e preparar massas caseiras entre eles.

Já o “Pequeno dicionário de gastronomia”, de Maria Lucia Gomensoro, desvenda os principais termos usados na cozinha. E isso inclui artefatos, ingredientes e técnicas, tudo muito bem explicadinho. Seria uma falha gravíssima não incluí-lo nesta seleção. Por fim, recomendo o volume mais recente da chef Rita Lobo: “A conversa chegou à cozinha”. Um delicioso compêndio de crônicas e receitas –ambas de dar água na boca.

 
Chris Campos é jornalista e escritora, criadora do site Casa da Chris  e autora dos livros “Casa da Chris” (Editora Record), “Assim te Conquistei” (Versar) e “Almanaque das Festas Instantâneas (Memória Visual)