Sala de coworking x sala comercial: como escolher qual a melhor opção para seu negócio

Privacidade, networking, segurança e mais detalhes sobre os prós e contras de sala de coworking x sala comercial para escritórios.

11 de dezembro de 2018

O trabalho é grande parte do dia da maioria das pessoas. Ou seja, não dá para passar 8h (ou mais!) trabalhando em qualquer lugar, concorda? E fazer a escolha entre uma sala de coworking ou uma sala comercial leva a diversas considerações sobre seus objetivos.

“Trabalhar em um escritório” não é mais um conceito simples e abrangente. Você pode trabalhar em uma suíte executiva, negociar uma sublocação, alugar um espaço em um centro de negócios ou uma sala de coworking e isso nem é uma lista completa das opções.

As pessoas que estão nesse estágio inicial de desenvolvimento de negócios estão sempre procurando algo menor, mais barato e mais flexível do que os colegas mais estabelecidos querem.

Se você é um empreendedor que está apenas começando ou procurando expandir-se para novos mercados, talvez esteja tentando decidir se fazer parte da revolução do co-trabalho faz sentido para você e sua empresa.

Certamente, existem vantagens e desvantagens na escolha de uma sala de coworking e de uma sala comercial. Vejamos cada uma das opções em detalhes para te ajudar a determinar o que é melhor para sua empresa.

Leia também: Conheça o The Five East Batel, um projeto inovador em Curitiba que reúne unidades residenciais, lajes corporativas, salas comerciais, lojas de conveniência e hotelaria.

Sala de coworking versus sala comercial: como escolher?

Vantagens da sala de coworking

As salas de coworking oferecem aos freelancers, empreendedores e às vezes pequenas empresas a chance de escapar do isolamento e da monotonia de trabalhar em casa ou em um café.

Um espaço de coworking é aquele em que várias pessoas se reúnem para trabalhar em diferentes projetos para diferentes empresas. O espaço poderia parecer um escritório, uma sala de estar, uma rede de salas conectadas ou apenas um quarto gigante.

Esses espaços compartilhados geralmente oferecem:

  • wi-fi;
  • áreas de cozinha;
  • móveis como recepção, mesas e sofás.

Frequentemente, as salas de coworking também oferecem seminários com palestrantes convidados, equipe de gerenciamento e recepção de escritório compartilhada e equipamentos como impressoras.

1. Oportunidades de rede

Possivelmente, o benefício mais valioso da sala coworking é o sentimento de camaradagem e a oportunidade de se relacionar.

Muitas estações de coworking são ecossistemas simbióticos, onde as empresas podem se conectar com freelancers, advogados, clientes, parceiros em potencial e muito mais.

Em um nível pessoal, as salas de coworking permitem que as pequenas empresas tenham uma convivência social no dia-a-dia além de sua equipe e que outras empresas enfrentam desafios semelhantes no crescimento.

2. Redução de custos através de serviços compartilhados

Alugar um escritório pode ser muito caro. Locatários têm que fornecer o espaço, comprar equipamentos de escritório, pagar por serviços públicos e potencialmente cobrir os custos de renovação e adequação.

As salas de coworking são prontas para uso imediato, com comodidades compartilhadas para que você possa se concentrar no seu negócio. A maioria dos locadores quer que os locatários assinem um contrato por pelo menos três anos, o que pode ser muito arriscado para algumas empresas, especialmente para startups.

Os inquilinos que viajam e nem sempre precisam do espaço podem preferir as opções de pagamento diárias, semanais ou mensais oferecidas pela maioria dos espaços de coworking.

Os custos para as salas de coworking variam muito com base em fatores como duração do contrato e tipo de espaço. Por exemplo, um freelancer pode alugar uma mesa flexível (disponível 24/7), uma mesa dedicada (disponível durante o horário comercial) ou uma mesa compartilhada (uma mesa dividida com um ou mais colegas de trabalho).

3. Ambiente divertido

Espaços de coworking são projetados especificamente para estimular a criatividade e promover um senso de comunidade entre os inquilinos. Alguns espaços de coworking têm academias adjacentes, permitem cães, oferecem lanches, apresentam móveis coloridos ou apenas têm decorações mais interessantes.

Quer jogar pingue-pongue durante as pausas? Você provavelmente pode encontrar um espaço de coworking que tenha uma.

Vantagens da sala comercial

O aluguel de uma sala comercial permite que as empresas personalizem o espaço de acordo com suas necessidades específicas. Isso pode significar comprar e arranjar o mobiliário ideal, fazer construções, tocar música ambiente ou colocar anúncios.

E na maioria dos casos, alugar significa ter um espaço privado. Em algumas situações de locação, as empresas ainda trabalharão ao lado de outros negócios, mas a locação ainda geralmente significa ter acesso total a várias salas de escritório, em vez de apenas algumas mesas.

Em uma sala de coworking, você pode ter apenas uma mesa para si e ter que compartilhar salas de conferência, mesas, impressoras e cozinhas com outras pessoas. Quando você aluga uma sala comercial para seu o escritório, todo o espaço pertence à sua empresa.

Isso significa que você não precisa reservar a sala de conferência, preocupar-se com alguém que está mudando sua mobília ou aturar outra empresa deixando pratos sujos na pia constantemente.

Se você quiser fazer uma festa improvisada, ouvir música, realizar uma conferência ou receber visitas, pode fazer isso e não precisa pedir permissão a ninguém. Vejamos mais algumas vantagens das salas comerciais.

Saiba onde estão ótimas oportunidades de salas comerciais nesse link do nosso site que reúne as melhores opções para sua empresa.

1. Privacidade

Alugar uma sala comercial para ser seu escritório significa que todos dentro do espaço trabalham para a mesma empresa. As salas de coworking apresentam potenciais lutas com privacidade física, privacidade de som e privacidade das informações.

Privacidade física: em um espaço de coworking, você nunca sabe exatamente quem mais está presente. Os estranhos podem olhar para os seus escritórios ou simplesmente caminhar o suficiente para causar interrupções. Os gerentes do local também podem fazer visitas a possíveis inquilinos, causando ruído e atividade nos corredores.

Privacidade de som: você pode controlar o nível de ruído dentro de sua própria empresa em um grau razoável, mas se você tem vizinhos barulhentos, não pode fazer muita coisa sobre isso. Ou talvez os seus subordinados diretos tendem a ter muitas discussões animadas que podem gerar reclamações dos vizinhos.

Privacidade das informações: especialmente se você estiver lidando com informações confidenciais – como finanças, números de previdência social, informações pessoais de terceiros, registros criminais, etc. – você pode desfrutar da liberdade de falar na privacidade de seu escritório em vez de tentar encontrar um local silencioso em uma sala de coworking e parar de falar toda vez que alguém passar.

Quer entrevistar alguém para um novo cargo na sua empresa? Sem problemas! Basta convidá-lo para o seu escritório particular sem se preocupar em colocar questões de outras empresas sobre o recém-chegado. Compartilhar uma rede wifi também pode apresentar problemas de segurança.

2. Custo reduzido

Espere um minuto, você diz. Eu pensei que o aluguel custava mais do que o coworking! Bem, em alguns casos isso é verdade.

No entanto, à medida que sua empresa cresce para incluir mais de meia dúzia de funcionários, você pode achar que faz mais sentido financeiramente alugar uma sala comercial para ter seu próprio espaço.

Nesse caso, coloque as despesas na ponta do lápis e compare quanto você gastaria mensalmente em uma sala de coworking e em uma sala comercial. Dependendo do tamanho do seu negócio, valerá a pena financeiramente investir em uma espaço próprio, pois as quantias podem não ser muito maiores de uma para outra opção.

Lembre também que todas as questões de privacidade e organização que falamos anteriormente, podem sair caro.

Imagine se seus funcionários não conseguem ser produtivos por conta da desorganização em um coworking? Você estará perdendo dinheiro também.

3. Branding

Quando você aluga sua própria sala comercial, pode colocar o logotipo da empresa no letreiro acima da porta, na janela ou na rua. Quando você entrevista um funcionário em potencial ou convida um parceiro de negócios para visitá-lo, ele entra em um espaço que reflete os valores e a cultura da sua empresa, reforçando sua estratégia de branding.

O ambiente não será confundido com os valores e culturas da empresa da sala de coworking e dos outros locatários. Você deseja que os clientes que entrem em seu escritório se sintam seguros e confortáveis? Você pode controlar a temperatura, o nível de ruído, as decorações e as opções de música, de modo que o céu é o limite.

Além disso, alugar seu próprio espaço significa que sua empresa pode ser listada nos mapas do Google, facilitando que os clientes descubram onde você está.

Ainda não tenho certeza?

Se uma sala de coworking ou uma sala comercial é melhor para você e sua empresa depende das complexidades de sua operação.

Avaliando o seu desejo de facilidade de escalabilidade, a impressão que você deseja causar para os clientes e o tipo de ambiente de trabalho que você acha que seria melhor para suas tarefas do dia-a-dia serão os fatores-chave para decidir ao escolher um escritório.

Talvez não exista uma resposta universal. O que você precisa do seu ambiente mudará conforme sua empresa mudar. Manter uma mente aberta e uma atitude de auto-avaliação são as melhores maneiras de garantir que você esteja no espaço certo.

Quer investir em uma sala comercial para o seu negócio? Leia também nosso Guia de Compras com tudo que você precisa saber comprar um imóvel e tornar esse processo de compra mais fácil e seguro.